Home / Dica e Truques / Dicas de beleza / Benefícios do Óleo de Rícino! Imperdível.

Benefícios do Óleo de Rícino! Imperdível.

Benefícios do Óleo de Rícino!

Bom para:

unha,

para o cabelo,

para o crescimento dos cílios,

para preencher as falhas da sobrancelha,

esse óleo, mas conhecido como óleo de rícino,

virou um sucesso absoluto e seu uso é sucesso absoluto.

Para os cabelos ==>>

Fortalece os fios

Combate a queda dos cabelos

Combate a quebra do fios

Contém vitamina E, minerais e vitaminas que auxiliam no crescimento

Ativa a circulação no couro cabeludo

Contém propriedades anti-bacterianas e anti-fúngicas

Trata pele seca e coceira no couro cabeludo

Ajuda no tratamento de calvície e alopécia

Diminui caspas (usando na raiz)

Hidrata e recupera os fios profundamente

Como usar o óleo de rícino

Sem segredo, ele é bastante espesso e consistente, para os cílios, unhas e sobrancelhas, use um cotonete, basta umedecer no óleo e aplicar na região desejada, e deixar agir.

Para as pontas do cabelo, pegue um pouco na mão,

e aplique nas pontas do cabelo

e deixe agir por 20 minutos

e lave como de costume.

Para estimular o crescimento do cabelo

e melhorar a circulação sanguínea no couro cabeludo,

aplique o óleo puro e massageia por uns 15 minutos,

deixe agir , mais ou menos 10 min,  depois lave abundantemente.

Benefícios do óleo de rícino

para a pele

Os nutrientes do óleo de rícino

podem ser interessantes para a pele de várias formas. Confira:

benefícios para a pele

1. Combate acne e oleosidade

2. Pele ressecada e envelhecida

3. Cicatrizante natural

Como usar o óleo de rícino

na pele

Não é muito indicado usar o óleo de rícino puro na pele.

O melhor é misturá-lo em um creme hidratante,

na proporção de uma colher de sopa

para cada 200 mL de produto.

AH VOCÊ SABIA QUE ESTE ÓLEO É EXTRAÍDO DA MAMONA?

A mamona é o fruto da mamoneira (Ricinus communis), sendo também popularmente conhecida como rícino. É provável que esta planta tenha sido batizada de “mamona” devido à semelhança de suas folhas com as do mamão, porém estas duas plantas são muito diferentes e cada uma pertence a uma família. Desde a Antiguidade, a mamona tem sido utilizada como objeto ornamental e as suas sementes também foram usadas como objetos artísticos. Dentre os principais países produtores de mamona estão a Índia, a China e o Brasil (com a produção concentrada nos estados da Bahia, Ceará, Minas Gerais e Pernambuco). Os principais países consumidores da planta são a China, a França, Alemanha, Japão e os Estados Unidos.

Veja Também

CREME NÍVEA … Como é bom!

CREME NÍVEA COMO É BOM ESTE CREME. Sempre usei, mas agora descobri que ele é …